Como fazer a dieta da proteína? Perder peso de forma significativa, sem passar fome, é um grande atrativo para a dieta que o Dr. Atkins tornou famosa.

 

como-fazer-a-dieta-da-proteína-ela-funciona-mesmo

 

Existem diversas dietas que seguem o mesmo roteiro da dieta da proteína, todas baseadas no mesmo princípio de cortar muito o consumo de carboidratos e de focar a alimentação especialmente nas fontes de proteínas. A mais famosa entre elas, da qual se pode dizer que as outras derivam, é a Dieta Atkins. Outras variantes de dieta das proteínas são, por exemplo, a Dieta de South Beach e a Dieta Dukan.

Na dieta da proteína, mais do restringir com rigor a quantidade de calorias que você pode ingerir, você terá qualidades de alimentos de consumo proibido ou restrito e outras de ingestão liberada, em porções também liberadas.

 

Como funciona a dieta da proteína?

A dieta da proteína está estruturada basicamente em três fases. Na primeira delas, o consumo de carboidratos é reduzido quase a zero. A intenção dessa restrição severa é fazer com que o organismo, na ausência dos carboidratos, recorra a outras fontes para obter energia, em especial às gorduras. Esse processo, em geral, leva a um emagrecimento rápido, podendo chegar, em duas semanas, a 50% do peso que a pessoa buscar reduzir.

 

A dieta da proteína funciona mesmo?

Estudos mostram que essa dieta traz bons resultados, isso porque quando o corpo está privado de carboidratos ele passa por uma modificação em seu metabolismo e começa a usar a gordura corporal como fonte de energia, processo conhecido como cetose. Diz-se que, nesse estado, o organismo não sente fome e tem tendência a se alimentar menos, o que auxilia uma perda de peso mais rápida.

 

Fases da dieta Atkins ou dieta da proteína

Logo abaixo irei mencionar as fases dessa dieta, mas lembre-se: antes segui-la você deverá procurar um nutricionista para te guiar sobre todas as fases da mesma. Veja:

 

  • Fase 1

 

Na fase 1, chamada de fase da indução, a alimentação deve ser composta principalmente por proteínas animais (ovos, peixe, frutos do mar, carne, frango, embutidos, etc), ficando a ingestão de carboidratos restrita a 20 gramas por dia.

Entre os vegetais permitidos nessa primeira etapa estão salsão, pepino, pimentão, cogumelos e alface americana, itens com poucos carboidratos. É a fase mais restritiva da dieta, mas seu tempo é relativamente curto, estando programado para duas semanas.

 

  • Fase 2

 

Quando se passa à segunda fase, de perda de peso continuada, fica permitido o consumo moderado de queijos amarelos, creme de leite, alguns tipos de nozes, alguns sucos de vegetais e legumes.

A ideia é ir aumentando gradativamente os carboidratos que podem ser consumidos a cada dia, na proporção de 5 gramas de acréscimo por semana. Deve-se seguir nesse processo até que seja notado uma interrupção na perda de peso. Quando isso ocorrer, é possível estimar a quantidade de carboidratos que você pode ingerir diariamente sem parar de perder peso.

Como ainda devem faltar nesse momento alguns quilos a perder, volte a ingerir carboidratos em uma quantidade 5 gramas inferior àquela em que notou ter parado de perder peso.

 

  • Fase 3

A fase de pré-manutenção (fase 3) prevê que você teste a tolerância do seu corpo aos carboidratos, descobrindo o nível crítico de ingestão de carboidratos para o seu organismo, ou seja, o ponto em que você não perde e nem ganha peso.

 

  • Fase 4

A quarta e última fase, de manutenção propriamente dita, permite que você selecione uma ampla variedade de alimentos para consumir, controlando ainda a ingestão de carboidratos a níveis que costumam variar entre 200 e 500 gramas diárias. O objetivo é manter os hábitos aprendidos nas fases anteriores, em uma taxa que permita a manutenção do peso.

 

OBS: Nunca inicie uma dieta sem orientação de  um nutricionista e/ou um médico especializado. Como toda dieta restritiva, a dieta da proteína pode envolver riscos à saúde que devem ser avaliados individualmente. Essa dieta não é indicada para gestantes, nem para pessoas que apresentam problemas renais.

 

Mitos e verdades sobre a dieta das proteínas

Assista a entrevista exibida no programa você bonita da TV Gazeta falando sobre os mitos e verdades sobre a dieta da proteína. O vídeo é muito bom! Assista-o…

 

como-fazer-dieta-da-proteina-ela-funciona-mesmo

 

Conclusões finais sobre a dieta da proteína

Agora que você viu alguns detalhes sobre a dieta da proteína vou te disponibilizar um e-book grátis desenvolvido por um personal trainer. Esse personal desenvolveu um programa de emagrecimento que atualmente possui mais de 31 mil alunos inscritos. Para conhecer melhor esse personal e o seu programa baixe o e-book: Sistema Queima de 48 Horas – Vinícius Possebon.

capa-dosedentarismo

Deixe Seu Comentario

Comentar

Quer Receitas para Emagrecer de Vez?!  Livro Emagrecer de Vez É O Guia Completo!