Dieta mediterrânea, como funciona? Quando o assunto é sobre emagrecer, muitas pessoas buscam formas milagrosas para eliminar os quilos de maneira rápida e poder ficar de bem com a balança, não é mesmo? (A melhor dica se encontra no final do artigo)

dieta-mediterrânea-como-funciona

E em meio a tantas formas de emagrecer, as dietas estão sempre entre as mais pedidas, e você já ouviu falar na dieta mediterrânea? Tem ideia de como ela funciona?

Se você está a procura de mudar o cardápio com mais qualidade de vida, consumindo alimentos saudáveis e está a fim de aderir a uma dieta diferenciada, então fique de olho, pois neste texto você vai saber tudo sobre esta dieta, quais são as suas vantagens para o corpo e a sua saúde, e muito mais.

Confira!

O que é a dieta mediterrânea

Como o próprio nome da dieta já sugere, o termo “dieta mediterrânea” está diretamente associado a alimentação que o povo das regiões banhadas pelo mar mediterrâneo consomem.

Diversos estudos realizados sobre o estilo de uma alimentação mediterrânea comprovam de que as pessoas apresentam um controle contra doenças cardiovasculares, hipertensão e também a obesidade.

A alimentação mediterrânea consiste em um cardápio rico em um número maior de calorias, porém, estas calorias encontradas nos alimentos são de boa qualidade e que quando associada a uma quantidade ideal para cada pessoa, ajuda a emagrecer.

Alguns alimentos mediterrâneos encontrados nesta dieta são, peixes e muitas proteínas vegetais como, lentilha, grão de bico e soja. Além de também consumir bastante azeite e demais alimentos vindos da região.

Basicamente, a dieta consiste no consumo de alimentos de origem vegetal em uma quantidade adequada para o indivíduo. As hortaliças, frutas, legumes, cereais, pães e sementes, além de laticínios, principalmente iogurte e queijo, estão inclusos no cardápio diariamente.

 

O cardápio mediterrâneo

Se você quer aderir a dieta mediterrânea é fundamental ir a um nutricionista para montar um cardápio exclusivo. Afinal, cada pessoa necessita de uma quantidade ideal de cada alimento e ainda de alimentos diferenciados.

A dieta mediterrânea promete eliminar de 2 até mesmo 5 quilos por mês. Não existe nenhuma contra indicação. Mas, jamais mude o seu cardápio por conta própria.

 

Vantagens da dieta mediterrânea

Muitas pessoas que aderiram a esta dieta relataram terem ficado muito satisfeitas com o resultado. Pois, além do emagrecimento ainda puderam verificar uma pele mais saudável, já que os alimentos consumidos nesta dieta são totalmente naturais, sem nenhum tipo de processo industrializado.

Contudo, o consumo baseado apenas em alimentos livres de substâncias químicas aumenta a imunidade, atuam diretamente na prevenção de vários tipos de doença, proporcionam uma pele muito mais bonita, controlam o apetite e claro, ajudam a emagrecer.

Portanto, é só coisa boa! Diferentemente de outras dietas que existem nos dias de hoje, a dieta mediterrânea não é tão radical e ainda você vai contar com uma série de benefícios para a sua saúde.

Mas, assim como qualquer outra dieta, é preciso tomar alguns cuidados, por isso, consultar um profissional para ajudar na escolha dos alimentos é essencial para contribuir para o sucesso da dieta.

 

Considerações finais sobre a dieta mediterrânea

Agora que você conferiu alguns detalhes sobre a dieta mediterrânea eu gostaria de te apresentar o trabalho de um personal trainer que está revolucionando o mundo emagrecimento e com certeza você vai gostar muito do que ele tem para mostrar.

Esse personal trainer conhecido como Vinícius Possebon desenvolveu um programa de emagrecimento composto por exercícios curtos e intensos que podem fazer você emagrecer em 8 semanas ou menos. Há poucos dias ele me disponibilizou um E-book Grátis do programa, recomendo que baixe-o para que você possa entender melhor como funciona o método, clique aqui para baixar.

queima-de-48-horas-2-0-download-ebook-capa

 

Deixe Seu Comentario

Comentar